Segunda-feira, 14 de Dezembro de 2015

Caso das fichas falsas da JSD arquivado pelo MP

O militante e dirigente do PSD, Nuno Firmo - cujo caso das fichas falsas na sua secção da JSD-Lisboa foi contado no capítulo 7 da primeira parte de Os Predadores - viu o seu caso arquivado pelo Ministério Público.

 

O processo foi investigado pelo DIAP desde 2011 e arquivado no final de Outubro. Nuno Firmo, hoje presidente do Núcleo Ocidental de Lisboa e Carlos Martins, outro antigo militante da JSD, viram arquivadas as suspeitas do crime de falsificação em que eram arguidos. A investigação não conseguiu "apurar com a necessária certeza indiciária, a intervenção dos arguidos nos factos denunciados", pode ler-se no despacho de arquivamento. Os dois arguidos negaram a participação nos actos de falsificação de fichas de militantes "negando inclusive qualquer acesso às fichas de inscrição ou documentos dos estudantes" do ISEG onde terão sido falsificados os documentos. Pode ler a notícia toda aqui.

 

Apesar de não ter provado que as falsificações dos documentos e das assinaturas dos "novos" militantes tenham sido feitas pela mão dos arguidos - foram sujeitos a testes de caligrafia -, o DIAP descobriu mais fichas falsas no âmbito do mesmo processo e identificou os nomes de Francisco Filipe Carvalho Silvério, Helga Pinto Prego, Rui Inácio, e Susana de Brito Ladeira como outras "vítimas" do mesmo esquema que permitia insuflar a secção com militantes.

 

Fica aqui o devido registo sobre a conclusão do processo judicial. O relato que consta do livro mantém-se.

 

tags:
publicado por Vítor Matos às 14:24
link do post | favorito
Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2015

Os Predadores, Cercado e a Máquina de Triturar Políticos, em Grândola

 

 

Feira do livro grândola.jpg

 

Amanhã apresentarei "Os Predadores" em Grândola, na Biblioteca Municipal, às 16h. Não seria a mesma coisa se fosse sozinho. Apresentar o livro na minha terra, aos meus amigos, que me conhecem desde sempre, seria um prazer em qualquer circunstância. Mas como corria o risco de já estarem há muito fartos de mim, nada melhor do que convidar outros amigos para apresentarem também as suas obras. Os artistas convidados são o Fernando Esteves, editor de política da Sábado, que escreveu o "Cercado", sobre José Sócrates; e o Filipe Santos Costa (jornalista do Expresso) e a Liliana Valente (jornalista do Observador), que escreveram "O Independente - A Máquina de Triturar Políticos." Esperamos conseguir abrilhantar devidamente a Feira do Livro de Grândola. Apareçam!

 

 

publicado por Vítor Matos às 11:49
link do post | favorito

contacto

ospredadoresdopoder@gmail.com

pesquisar

posts recentes

Actividades predatórias n...

A grande família socialis...

Caso das fichas falsas da...

Os Predadores, Cercado e ...

Entrevista à Renascença: ...

TSF: "Tudo o que os polít...

Rodrigo Gonçalves e pai a...

Não deviam ser os partido...

Segunda edição está a imp...

"A moeda de troca é o Est...

tags

todas as tags

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

blogs SAPO